Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

No Meio da Noite...

Acordo na madrugada...
Sento na cama, assustada...
Sei que foi apenas um sonho, 
Mas nele você não estava lá...
Saio à sua procura numa busca insana,
Meu coração, aos pulos, quer te encontrar
E custe o que custar, preciso te abraçar...
Perco o sono, olhando para você,
Seu sono tranquilo me angustia,
Pois fico dividida entre deixá-lo ressonar,
Ou te acordar para em meus braços apertar.
Fico pensando no que me levou a temer,
E chego à conclusão mais simples,
De que é a insegurança natural de quem quer
Manter um amor perfeito, sem mácula, puro,
E esquece que somos todos falíveis e frágeis,
Mesmo você, ainda que sob o manto do poder
Que longe está de ser absoluto e pleno do ser...
Minha razão me pede para aceitar 
A verdade que se apresenta, inconteste,
Minha emoção me pede para permitir,
Que o sonho e a fantasia sejam ainda latentes...
Mas não é possível mais protelar,
E o amor precisa amadurecer e imperar,
Sei que ele é verdadeiro, de outros tempos,
E sobreviveu às eras de separação...
Agora, quer ser pleno, ele bem o merece,
E será fácil permití-lo, deixá-lo nos guiar
Pelos caminhos iluminados que acompanham
Àqueles que aprenderam a amar...
E nesse amor não há espaço nem lugar,
Para sentimentos que possam tentar falsear,
O que há muito tempo escrito já está...
E está escrito que juntos havemos de ficar.

(20/11/2006 - Pensando em você)

Akasha De Lioncourt
Enviado por Akasha De Lioncourt em 20/11/2006
Código do texto: T296137
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Akasha De Lioncourt
São Paulo - São Paulo - Brasil, 45 anos
706 textos (1034789 leituras)
72 áudios (109732 audições)
30 e-livros (56832 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 01:06)
Akasha De Lioncourt

Site do Escritor