Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ECOS

Mesmo que aos ouvidos
me não cheguem,
os ecos existem, eu sei.
Largados no espaço, talvez.
Aos meus anseios, eu sinto,
uma voz responde,
inaudível mas forte,
ao longe criada, difundida
pelos confins do Universo.

Mas como encontrá-la,
se aos meus ouvidos não soa,
ao meu olhar não aporta,
em meus dedos não se aninha
essa voz, eco de vida e amor?
Só, à margem dos sentidos,
cabe ao coração se abrir
às ondas vogando, voláteis
carícias do Criador!
Ilona Bastos
Enviado por Ilona Bastos em 20/11/2006
Reeditado em 20/11/2006
Código do texto: T296191
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Ilona Bastos
Portugal, 57 anos
25 textos (16559 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 10:13)
Ilona Bastos