Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMOR SIMPLESMENTE ... UMA VERDADE ...



    AMOR SIMPLESMENTE ... UMA VERDADE ...
                   Nídia Vargas Potsch


Corações amalgamados, sem preconceitos,
assumem seus anseios e riscos,
doam-se em total liberdade,
porque cúmplices em apenas amar e sentir ...

Transbordando sensações
por vezes transformados em azedas máscaras,
num grande amplexo ...

Com ternura e cumplicidade total,
realizando fantasias e vivências,
sem carências, só sensações afloradas ...

Ou surgem como as águas cristalinas
das fontes selvagens, porque
advém do âmago de seres que se amam ...

Na avidez de trocarem doces carícias,
deste encontro predestinado
desejado em muitos monentos,
sutil em sua realidade,
impele o sonho realizar ...

Os ressentimentos atávicos,
por outros demonstrados,
pouco ou nada os afeta,
ou, se afeta, são sublimados, porque,
desejos e medos, sem culpas,
doa a quem doer é o que se deve
em mente sempre ter  ...

Existirem como Pessoas, de pura realização,
é o que realmente importa,
para o doar-se explicitamente ...

Estará esta verdade, escrita nas estrelas?

       Nídia Vargas Potsch
             @Mensageir@
              Rio, 2006
Nídia Vargas Potsch
Enviado por Nídia Vargas Potsch em 21/11/2006
Código do texto: T297314
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nídia Vargas Potsch
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
293 textos (29617 leituras)
3 e-livros (45 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 17:40)
Nídia Vargas Potsch