Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ANA

Ana...
Por que me ecantas desta forma?
E por que me deixas desesperado,
Com sua forma de me olhar,
De  me  tocar,
Ou de ser você ,
Quando estas comigo?


Ana...
como podes ter me encantado?
Por que me fazes teu refém?
Por que tu me dizes tuas loucuras.
Fazendo apaixonar-me ...


Ana ...
Por que  me encantas?
Por que me martirizas,
Fazendo-me amar-te tão sublimemente?


Ana...
Por que me deixas tão maluco por ti?
Ou como me fizestes te amar assim?
Sendo eu já distante do amor?
Pudestes levar-me a fazer,
A única coisa que julguei abolido do meu ser!


Ana...
O que tens como truques?
Por que eu não pude descobrir!
Digas se puder...
O que tens que me cativastes.
Por que me encantastes?
P’ra donde queres levar-me?


Ana
Acaso tens um mundo só para nós,
Onde viveremos este amor?
Amor que penso existir.
Tens algo que ainda não conheço?
Terás tu alguma face da dor,
Escondida entre teus olhos,
Ou em teu coração?


Ana só diga-me,
Que serás eternamente minha,
Ou que serás minha,
Enquanto durar nossa  eterna vida mortal.
 
                                                                     
poetadosol
Enviado por poetadosol em 21/11/2006
Código do texto: T297446
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
poetadosol
Tatuí - São Paulo - Brasil, 28 anos
84 textos (9430 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 06:41)
poetadosol