Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VIDA

A VIDA

FATIMA MELLO (FOFINHA)


Numa eterna repetição
acabamos enxergando o fundo d'alma,
E desta nada podemos esconder.
Não podemos encobrir mentiras
com maquiagem pois não somos palhaços,
nem aquele sorriso sempre igual,
disfarçado de felicidade.

Somos como espelhos, refletimos
nossos medos, nosso real desejo,
aquele aprisionado que vem a tona,
nos despe e chama atenção!

O espelho reflete verdades
que insistimos em não ver,
ou até mesmo esconder.
Este nos mostra as decisões,
as vezes muito caras,
que, por medo ou incensates,
deixamos de lado.

E o tempo vai passando
e, como palhaços, nos mascaramos na dor...
Quero que este espelho revele 
e mostre o meu "eu" mais profundo,
que se dispa de tudo que é forma
mascarada, e mostre a verdade...
revelando esta pessoa especial,
que, como todo mundo, é defeito
mas também qualidade...

Que quer amar e ser amada,
pra que o espelho reflita
um brilho todo especial
de pura felicidade...
Mostrando um caminho novo,
sem portas, sem barreiras...
um mundo de um ser feliz...
um brilho todo especial

Bagé,16/11/06



FOFINHA
Enviado por FOFINHA em 21/11/2006
Reeditado em 26/01/2012
Código do texto: T297629

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
FOFINHA
Bagé - Rio Grande do Sul - Brasil, 62 anos
284 textos (14632 leituras)
6 e-livros (122 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 08:02)
FOFINHA