Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UM POUCO DE AMOR

A secura dos desejos
Resseca meus lábios roubando-lhes o sabor
A minha boca padece de ânsias sem os teus beijos
Meus anseios morrem cansados e sedentos de amor.

Desfalecendo nos caminhos dos pensamentos andejos
Desejando até a morte uma musa sem pudor
Que mata-me todo dia e eu não vejo
É um milagre sobreviver com esta dor.

Mutilando o meu ser tão sensível
Trago em meu peito uma chaga invisível
Trago no coração sentimentos doentios

Que gemem rasgando cicatrizes de onde meu sangue jorra em rios
Mas diante do meu sofrer estas circunstancias são pequenas
Eu quero um pouco de amor apenas.

Escritor e Mestre Jailson Santos
Jailson Santos
Enviado por Jailson Santos em 24/11/2006
Código do texto: T299794

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jailson Santos
Salvador - Bahia - Brasil
46 textos (2390 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 04:05)
Jailson Santos