Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor em flor


Você, meu amor, foi capaz
De fazer desabrochar botão
Desabotoando botões,
Desmoronou razões

Eu que pensava ser flor colhida há algum tempo,
Com sua acolhida, percebo botânica
Compondo meu corpo
Solo semeado, regado, cultivado

Sementes amoitadas esquecidas procuravam rochas,
Olvidavam fluências na rudeza emanada
De vida sem vida, ausência floral
Despontam agora, em mãos de semeador paciente,
 
Num crescente, caule, cálice, corola, pétalas,
Flor desabrocha, viçosa, cheirosa, pólen
Extraído do cultivo que só você sabe lidar,
Fazendo nascer e renascer a mulher gostosa

Cheia de desejos de florir, reflorir, copular!
Regina Romeiro
Enviado por Regina Romeiro em 25/11/2006
Código do texto: T301151

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Regina Romeiro
São Sebastião - São Paulo - Brasil
475 textos (28760 leituras)
4 áudios (704 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 07:44)
Regina Romeiro