Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Da varanda, vejo amor...


Debruçada sobre o balaústre
Percebo mais do que a paisagem
Algo penetrante, um sentir ilustre
Que chega a mim pela fresca aragem

Além da vista, a água pura e mansa
Desperta emoção doce e profunda
O coração sossega e por hora descansa
Ante o amor que minh’alma inunda

O verdejar do campo amplia-se
Numa mágica atmosfera de cor
A passarada na árvore aninha-se
Esperando um sol cansado se por

Eu sou parte desta natureza viva
Mais do que corpo há sentimento
Sou dali, agora, expectadora cativa
Da varanda, vejo amor sem tormento


Imagem:
Óleo sobre tela de Denise Severgnini_"Vista da Varanda"

Denise Severgnini
Enviado por Denise Severgnini em 26/11/2006
Reeditado em 26/11/2006
Código do texto: T301922

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Denise de Souza Severgnini http://www.denisesevergnini.recantodasletras.com.br) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Denise Severgnini
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 57 anos
11345 textos (916678 leituras)
16 áudios (8882 audições)
311 e-livros (34109 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 20:13)
Denise Severgnini