Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Não Espere Mais do Que Posso Dar

Hoje não espere de mim mais do que lhe posso dar
Ainda estou me recuperando da última punhalada
Tenho medo de novamente me magoar
Todo o meu eu sente-se amaldiçoada

Não posso e não quero te enganar
Fingindo sentir o que não sinto
Mas também sei que não vou deixar de amar
Apenas preciso me curar de tudo o que foi vivido

Sei que de paixão não se morre
Mas como ela machuca...
Só se eu estivesse de porre
Entraria de novo nessa arapuca

O que tenho a lhe oferecer
É o meu carinho incondicional
Pode parecer pouco esse querer
Mas é pegar ou não ter nada além do normal

Não quero fazer com você
O mesmo que fizeram comigo
Portanto sejamos apenas o que podemos ser
Dois grandes e bons amigos...


LoucaporPoesia
Enviado por LoucaporPoesia em 27/11/2006
Código do texto: T302546

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (LoucaporPoesia). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
LoucaporPoesia
Casimiro de Abreu - Rio de Janeiro - Brasil, 53 anos
524 textos (104804 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 10:05)
LoucaporPoesia