Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MEU TEMPO EXPIROU




O destrato exagerado,
Juntamente com o desamor;
Acrescido das inconveniências
De tuas palavras,
Fizeram-me seco e surdo.
Hoje não tenho mais pressa,
Porque o sonho foi subtraído.
Minha eloqüência é muda.
Tudo conspira para o fim.
Meu tempo expirou
O amor desistiu de mim.
Paulo Izael
Enviado por Paulo Izael em 02/07/2005
Código do texto: T30304
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Paulo Izael
São Paulo - São Paulo - Brasil
206 textos (27423 leituras)
1 áudios (171 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 04:51)
Paulo Izael

Site do Escritor