Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0901 - Pra você entender o amor


 

Quero seus olhos no infinito sonho,

no meu insaciável gozo sem juízo,

o corpo transferindo os sentindos,

como vinho que jorra na taça.

 

 

Corra meus caminhos sem pudores,

enquanto suga, solte o sorriso da boca,

meu espírito geme dentro do seu corpo,

faça-me embriagar com sua fantasia.

 

 

Troca à roupa que envolve minha alma,

deixa-me nu e me queira, como queria,

desconserte-me como um poema mal escrito,

faça novas rimas, faz-me seu, faz amor.

 

 

Quando o sol bater na janela pela manhã,

diz que não estou, sorria meu dia,

misture as palavras para que não entenda,

preciso ficar cada gemido até noutra noite.

 

 

Não me deixa entender porque te quero,

faz o sorriso perpetuar na lembrança,

molhe com suor, transfere a paixão,

tome o amor que juro, quero ficar.

 

 

Infinito, podem ser todas as noites,

como sua boca, a língua na pele,

só pra você entender, fico enlouquecido

e meus gemidos explodem no gozo sem pudor.

 

 

28/11/2006

Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 28/11/2006
Reeditado em 29/11/2006
Código do texto: T303862
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116243 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 00:00)
Caio Lucas