Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vou Levar Você ao Boulevard

Quase que eu desanimei,
mas não me assustei e acreditei
nessa longa espera.

Pois me cansei de sofrer,
de me aborrecer, de mesmo dizer
que você já era.

O dia lindo nasceu,
não sei o que deu, você apareceu...
Vou levar a Vera ao Boulevard, ah!
Vou levar a Vera ao Boulevard.

Pode dizer que eu perdi,
que me iludi porque insisti
nesse meu palpite.

Não levo nunca a mal,
eu sei que é normal, não há nada igual
mesmo que se imite.

Eu desejei ser feliz,
Foi tudo o que quis. Meu sonho é quem diz:
vou levar Judith ao Boulevard, ah!
Vou levar Judith ao Boulevard.

Agora, onde é que estou?
Você me assustou porque me jogou
dentro da rotina.

Mas os recursos são mil,
você é que não viu. De novo surgiu
mais uma menina.

Eu vou vivendo assim,
gostando de mim, zombando do fim.
Vou levar a Nina ao Boulevard, ah!
Vou levar a Nina ao Boulevard.


Rio, 1976
Aluizio Rezende
Enviado por Aluizio Rezende em 30/11/2006
Código do texto: T305340

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Aluizio Rezende
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
6596 textos (144473 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 10:42)