Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

À TUA CÁLIDA MORENICE


Canela, cenoura, belíssima

É a pele do meu amor.

Que um dia da minha pobre vida

O destino me apresentou.

Morena, calefante

És tu serpente

Da cor do cupinzeiro

Que ao meu peito fere com um punhal.

Mas tu cálida morena

Manda-me e desmanda-me,

Pois sou servo da tua cor, do teu sabor.

Para ti me entrego,

À tua cálida morenice

Para que eternamente

Deva desfrutar.
Rodrigo Messias Cordeiro
Enviado por Rodrigo Messias Cordeiro em 30/11/2006
Código do texto: T305401

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Por R. Messias Cordeiro). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rodrigo Messias Cordeiro
Feira de Santana - Bahia - Brasil, 33 anos
276 textos (13664 leituras)
9 áudios (1184 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 08:56)
Rodrigo Messias Cordeiro