Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O UNIVERSO E O AMOR

Lailton Araújo


Olhando o céu iluminado eu vejo um belo rosto
São formas que parecem constelações diferentes
Lembrando a mulher, remetem à estrela nascente
 
Mais brilhante que o brilho de milhões de cometas
Quem poderá ser a fêmea que esses olhos vêem?

Nesse universo tão familiar ao meu íntimo maior
Existe a figura corporal, paisagem que Deus criou
Mulher: sim! A mulher em toda a sua formosura
 
Bem no alto da visão do jovem que ainda sonha
Navega o viajante nas velhas naus e novos mares

Ainda há espaço para recitar poemas inacabados
Nos pedaços que o coração humano deixa ao amor
Amar é bom, ser amado é flutuar sem corpo no vácuo
 
Nas naus imaginárias, sem tempo ou racionalidade
O que poderá vir? Só Deus entende o que é o amor

Será o amor por uma mulher, o êxtase da emoção?
Dizem os escritores e poetas que o amor não vê
A cara, forma e personalidade, ou qualquer razão

Um homem apaixonado é um astronauta sem nave
Nas novas viagens às estrelas: com os olhos cegos

LAILTON ARAÚJO
Enviado por LAILTON ARAÚJO em 30/11/2006
Reeditado em 23/04/2012
Código do texto: T305402
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor " Lailton Araújo "). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
LAILTON ARAÚJO
São Paulo - São Paulo - Brasil, 56 anos
114 textos (16660 leituras)
43 áudios (6226 audições)
12 e-livros (10898 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 02:54)
LAILTON ARAÚJO