Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ELA NÃO SABE

Ela não sabe da missa um terço,
Nem imagina o estrago
Quando me recusa um beijo
Ela não sabe
O tamanho do meu desejo
Ela não sabe nada do meu amor.

Ela não vê meu vulto nas madrugadas
Escalando estrelas, surfando nos ventos,
Arranhando as paredes com unhas de prata
E beijando o chão onde ela pisa.
Ela não vê as minhas lágrimas noturnas
Escorrendo pelo ladrilho do quarto,
Pérolas solitárias engolidas pela noite.

Ela não percebe os meus volteios
A minha palavra doida
O meu gesto bobo
Meu riso triste
Ela não escuta o som do meu gemido
Navegando nos lençóis da cama
Nem percebe o tremor dos meus pés
Solicitando carícias atropeladas.

Do meu corpo aquecido um vampiro se solta,
Manada de tigres avançam nos corredores,
Um tropel de cascos atropela o leito
E ela permanece quieta, no seu casulo de ferro.
De que adianta o som da flauta?
De que serve a madrugada sem a magia de um orgasmo?

De que serve o meu poema
Se ela não sabe.





henrique ponttopidan
Enviado por henrique ponttopidan em 11/08/2011
Código do texto: T3153202
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
henrique ponttopidan
Recife - Pernambuco - Brasil, 68 anos
71 textos (1385 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 13:36)
henrique ponttopidan