Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESSE TEU OLHAR


Esse teu olhar castanho,
espelho d’alma e do coração,
quantas vezes, perdida em oração,
diante dele minh’alma apanho.
Se um dia Deus, que o universo rege,
com teu olhar se deparasse,
e, tomado por santo ciúme,
de mim te afastasse,
o quê me restaria?
Se ao vê-lo o Sol descesse
em sua esteira de ouro ardente,
a Lua, de desgosto, talvez morresse,
e explodiria meu peito,
com a dor de não mais ver
o luar se refletindo
nas tranqüilas águas do mar.
Esse teu olhar tem tanta força
e eu, pobre ser, a ele me rendo,
como um imã a ele eu me prendo.
Mulher, se neste teu sublime olhar,
eu pudesse encontrar,
promessas de amor e felicidade
voltariam os cantos e risos,
de minha vida sumidos...
Maria Hilda de Jesus Alão
Enviado por Maria Hilda de Jesus Alão em 09/07/2005
Código do texto: T32632

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Hilda de Jesus Alão
Santos - São Paulo - Brasil
848 textos (343093 leituras)
19 áudios (10579 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 08:16)
Maria Hilda de Jesus Alão