Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Assim distante

Assim distante

Que me importa agora se estás distante...
Se a luz do horizonte não mais irradia.
Se daquelas emoções, que eram constantes,
Restaram apenas seqüelas fugidias,
De névoa cinza, não mais brilhante.
Fumaça ao longe, que se extinguia...

Foram-se os sonhos, me acordaram...
Foi-se a luz presente e clara,
Dos elos que me enlaçaram.
Foi sortilégio que esfumaçara.
Quedou-se longe na desilusão,
Da dor, da perda e da paixão...

Agora, as folhas secas pelo chão,
São provas vivas que passei em vão,
Restando ainda a recordação..
Ficam no chão, restos de emoção...

O vento arrastando folhas afora
Deixa imagem que é só lamento
Triste saudade da visão de outrora
Que se acabou, findou-se com o tempo...


Myriam Peres
Myriam Peres
Enviado por Myriam Peres em 10/07/2005
Código do texto: T32695
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Myriam Peres
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 86 anos
473 textos (54609 leituras)
5 e-livros (275 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 22:35)
Myriam Peres