Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FRUTA BENDITA**

Você é fruta bendita,
de infinda beleza.
Só você é capaz
de desmanchar o lamento,
derreter aço/ ferro/ concreto,
de me tirar da dor,
desse desgosto por tudo,
de me tirar do canto
por me achar tão pouco,
quase nada.

Só você tem o dom
de me tirar do poço,
de me jogar pro alto.
Você é luz do caminho,
lua cheia, estrela aldebarã.
Você é pai, mãe, irmã.
Você me completa.
É o meu delta fértil,
meu Nilo, Amazonas,
minha fonte e inspiração

Não saberia lhe dizer
a palavra impar, inédita,
a chave do enigma.
Mas sei que te quero
inteira, mesmo fugaz....
Clamo aos céus e rezo por ti,
pois quero te dar o impossível,
o inaudito,
quem sabe o infinito.


cp-araujo@uol.com.br
Célio Pires de Araujo
Enviado por Célio Pires de Araujo em 12/07/2005
Reeditado em 21/10/2006
Código do texto: T33415

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (autoria de Célio Pires de Araujo). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Célio Pires de Araujo
São Paulo - São Paulo - Brasil
1075 textos (32933 leituras)
2 e-livros (236 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 12:47)