Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

noites frias do sul



As noites frias, aqui do Sul.
São bem mais aconchegantes
Que as noites, em outro lugar.
Aqui á noite e o frio
Tornam-se cúmplices
Dos casais enamorados
Deixando-os, mais humanos e sensíveis.
No aconchego de seus lares
Que se transformam, em ninhos.
Nas noites frias do Sul
Onde a neve, ás vezes nos visita.
Deixando em nossas serras
Um rastro de beleza
Para quem vem do Norte, visitar o Sul.
Até este vento que sopra
Lá do lado, castelhano.
Não parece, mas, é romântico.
Velho vento, aragano!
Que alguns chamam, de minuano.
Vento, que cruza as Campinas.
De encontro ás montanhas.
Vento, que não se acanha.
Soprado forte ao leu
Ás vezes, nuvens lhe acompanham.
Deixando mais gelados
Nossos dias aqui no Sul!


                       Volnei R. Braga
Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 20/07/2005
Código do texto: T35932
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147484 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 08:25)
Volnei Rijo Braga