Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ENCANTOS DO MAR

Quando à tarde sentei-me à beira do mar
Para esperar-te chegar
Realmente acreditei que virias.
Vesti-me de melhores sentimentos
Armei-me de amores sem lamentos
E fiquei à espera de ti!
Nesse momento
Quebrou-se meus laços de ansiedade
Nasceu em mim a doçura e capacidade
Da espera do amor sem fim...
Meu coração,
Não sei porque razão
Não perdeu a direção
...não parou de bater.
Na fé em vê-lo
Deu-me forças e recorde de paciência
Minhas pernas fugiram de incapacidade e dormência
Por uma espera tão longa e prolongada
Mas o conjunto, de corpo e mente
aguardavam...
Distrai-me com o mar
A linha do horizonte me faz delirar
Será que virias dali?
Pegarias carona num golfinho
Que tão cheio de amor e carinho
O entregarias a mim?
Ou serias seduzido por uma sereia
Que encantada te levaria para a areia
E faria amor contigo?
Talvez o levasse ao fundo do mar
Jamais o deixasse voltar
e eu, ficasse aqui de castigo
Por amar-te, assim,  meu segredo,
seduzida, por ti, meu encanto
E na longa espera da minha vida
Ainda solitária aqui me encontro
A olhar a lua, refletida no mar
Pedindo a Deus, que te faça chegar
Trazendo a minha tão doce
e sonhada felicidade

17.Novembro.2003
08h08
ITANHAÉM  SP

 
Míriam Torres
Enviado por Míriam Torres em 02/08/2005
Código do texto: T39820
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Míriam Torres
Itanhaém - São Paulo - Brasil
307 textos (17335 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 15:17)
Míriam Torres