Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quanto tempo?

Quantos anos? Dez,  cinco,  vinte?
Não sei, para mim parece que foi ontem.
Terá sido loucura ou mesmo um acinte?
Por favor, o tempo, eu peço que não contem.

Não falem mais nisso é o que peço,
é tão difícil disfarçar o que sinto,
já paguei tão caro, foi tão alto o preço
que nem mereço, é por isso que eu minto...

Não relembrem, não julguem por favor,
foi apenas uma crise de amor
da mulher por uma encantadora voz,

uma mulher carente, infantil e sonhadora
que quis por pouco tempo ser sedutora
e  acaba de acordar de um pesadelo atróz

dezinha
Enviado por dezinha em 04/08/2005
Código do texto: T40254
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
dezinha
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
175 textos (13637 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 00:32)