Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PORTA ABERTA


Você está me esnobando
e não está percebendo
que aos poucos está me perdendo

Não, não estou querendo provocar seu ciúme
não estou pedindo para ficar
mas se você me ama assume
não deixe que alguém roube seu lugar

Você anda tão ausente
tem agido indiferente
já não age como antes
e a cada dia, estamos mais distantes

Amor é como diamante
tem que ter brilho constante
que se pára de brilhar
deixa dúvidas no ar

Coração cheio de incertezas
é como vela acesa
se abrirmos a porta
vem o vento e a chama corta

Se você me ama
pare de me esnobar
você pode sair perdendo
enquanto julga ganhar

Célia Jardim



Célia Jardim
Enviado por Célia Jardim em 05/08/2005
Reeditado em 16/12/2007
Código do texto: T40428

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Célia Jardim
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
1058 textos (43817 leituras)
19 áudios (1387 audições)
9 e-livros (765 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 13:08)
Célia Jardim