Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0398 - Voltas


 
Poderia te dizer tudo da nossa canção,
mas seriam as mesmas palavras
não sei dizer nada de novo, só sei o que sinto,
talvez nem saibas o quanto, mas é amor,
assim grande, como nem sei explicar...
 
Deixa que a música toque até o fim, baixa a luz,
tenta ficar quieta um pouco,
quero sentir-te bem junto,
assim mais perto que quando sonhamos,
mais juntos que os mesmos desejos.
 
Depois vamos falar de outras coisas,
todas que fazem voltar aos nossos sentimentos,
tudo é nosso, nada mais é do mundo,
aliás nosso mundo ficou pequeno, só cabe dois,
os corpos que oferecemos para esta paixão.
 
Quando voltares amanhã lembrarás desta música,
pode ser que esqueças um pedaço da letra,
aquela parte que estarei te beijando,
quando lembrares é que estarei distante, mas junto,
sempre estarei, mais de uma vez dentro do teu coração.
 
Posso ir agora, já falei do meu amor.
Não chores! Deixa as lágrimas para quando sorrires,
quero-as só de felicidade,
amanhã sei que sentiremos saudade,
então voltarei, só amanhã...
 
08/08/2005

Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 08/08/2005
Código do texto: T41159
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116243 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 22:18)
Caio Lucas