Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Esperança...

A esperança alimenta a vida...
Quando perdemos a esperança é como se um pouco da nossa vida se esvaísse de nós mesmos.
A  mulher  sentasse calada a beira da praia...
Vê o balanço do mar, o ir e vir das ondas a beira da praia e pensa:
_ “Mar...traz-me de volta o meu desejo...
Somente para mais um beijo
Para uma vez mais poder dizer-lhe do amor que sinto
Do meu bem querer...
Dos sonhos depositados na tua areia
Do amor feito com a tua benção
As palavras calam em sua mente
Sente-se já dormente, pois as horas não param de passar
Perdeu-se no tempo
Perdeu-se na espera de tantas horas
Mas o mar surdo as suas suplicas continua no seu Eterno movimento....
O ir e vir das ondas....
Onde ele é beijado...
Onde sente o carinho daquela que esta ali a sua eterna espera
A areia.....
E a mulher que de longe avista sua chegada sentada
Na sua eterna espera....


(Inspirada na Poesia " A espera" de Roberto Passos do Amaral Pereira)



Wanda Ayala
Enviado por Wanda Ayala em 09/08/2005
Código do texto: T41494

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Wanda Ayala-www.recantodasletras,.uol.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Wanda Ayala
Portugal
425 textos (36702 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 08:44)
Wanda Ayala