Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tantos Amores

Amor,amores, quantos haverá,
De quantas formas, intensidade.
Grandes amores cheios de frenesi,
Amores sublimes, que ama ser ser amado.
Amor paixão, que perde a razão,
Amor loucura, que tudo esquece
Para viver os delírios do prazer.
Amor calmaria, que tudo aprecia,
Ama o céu, o mar, as flores, a poesia,
Amores platônicos, que ama em sonho,
Amor romântico, que a luz do luar
Faz juras eternas.

Há tantos amores
Que se perdem na vida,
Não encontram saída
Não encontram mais nada,
Continuam buscando
A pessoa amada,
Sem nunca encontrá-la.

Há tantos amores,
Que nascem do nada,
Do primeiro olhar,
Do primeiro encontro,
Do primeiro beijo,
E são perenes.

Há outros amores,
Que parecem pra sempre,
Mas terminam num sopro,
Tal qual uma brisa passando,
Ou folhas esvoaçando
Ao cair da tarde,
Despencando das árvores
Quando sopra o vento.

Mas tudo é amor,
Tudo faz parte do infinito mundo
Em que vivemos,
Ele faz bater mais forte o coração,
Inebria nossos corpos
E sacia nossa emoção.

There Valio
Enviado por There Valio em 09/08/2005
Código do texto: T41536
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
There Valio
Pilar do Sul - São Paulo - Brasil, 74 anos
730 textos (78016 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 14:13)
There Valio