Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
FUGA

Hoje
 
eu
vou sair por ai
Sentar-me à mesa de um bar
Sóbrio fazer um poema
Para gente grande acordar
E nos acordes de um violão
Viver, sonhar e cantar..

Vou desfazer-me da tristeza
E de coração vou tentar amar
E se da luta me vier o cansaço
Neste teu amor  vou cavalgar.

Se ainda me sobrar energia
Saio feito um bravo furacão
A procura da mulher amada 
Que jura amar de coração.

Vou me deliciar de teus beijos
Prender-me no abraço sonhado
Se precisar acendo a luz macia
Para esquecer-me do passado.

Se for por amor levante-me do chão
Sem a ajuda desse pobre azarão
É a vida que esplêndida vem vindo 
Sem pressa e medo da solidão

Deixe-me em total sintonia
Com o rosto suado colado no chão
Sorrindo de alegria, amor e emoção

Vou jogar tudo para o alto
Tomar de assalto à  rebeldia
Que nem grande nem pequena 
Faz-me com certeza viver todo dia

Vou com calma e sem espanto 
Contar  como é lindo esse canto
Viver de qualquer jeito e ser infante
Sem apego a força da mais valia






R J Cardoso
Enviado por R J Cardoso em 12/08/2005
Reeditado em 03/09/2005
Código do texto: T42240
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
R J Cardoso
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
3128 textos (79546 leituras)
2 e-livros (393 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 15:49)
R J Cardoso