Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Inocencia...por Neli Vera Mattos

                       
Meus sonhos...
Ruíram, e caíram por terra.
Naquele dia, apenas uma palavra.
Uma simples, palavra dita  por ti.
Sem mágoas, ou tristezas, eu ouvi.
Aquela palavra, dita com tanta frieza.
Fria como uma lamina de um punhal.
Cravando em meu coração que doía.
E doeu mais naquele momento.
Que simplesmente, dissestes me adeus.
Simples palavra, com poder imenso.
De destruir, sonhos e ilusões.
Nada deixando, em teu caminho.
A não ser dores e mágoas.
Pedras e espinhos, para eu pisar.
Sem piedade, levastes a minha inocência.
A inocência de quem acreditou.
E amou pela primeira vez...
Tudo levou, a esperança o amor.
Deixando apenas, um coração vaziu.
E várias lembranças, tristes e amargas.


            Neìí Vera Mattos


                obrigado filha um beijo
.

.

Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 13/08/2005
Código do texto: T42246
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147462 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 14:58)
Volnei Rijo Braga