Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Amor

O Amor
 
 
É tudo,
alento,
alimento!
É alma junta,
corpos entregues,
bocas ávidas,
se procurando,
no espargir do nada!
 
Ah! O Amor!
talvez seja
meu último poema esse ano,
sobre esse tema.
Nem sei...
 
Ele não se cala,
está sempre presente,
na ausência
da saudade
impregnada em ti..
 
Por mais que faça,
esbarro com ele,
nele,
nas lembranças
do que fomos um dia
e já não somos!..
 
Perdemo-nos no tempo,
na direção de nossas vidas,
escolhidas.
Mero acaso?
Também não sei...
 
Acordei cheia de dúvidas,
de saudades,
de teus beijos não mais dados,
de teu olhar não mais doce,
de tua boca não mais minha.
 
Divaguei!
Perdi chão e companhia!
Senti que não mais me amas...
 
É tudo uma digressão,
um infinito do nada,
paralelas mal traçadas,
jamais encontradas
a quem dei meu coração!
 
Eda Carneiro da Rocha
\" Poeta Amor\"
 
Poeta Amor
Enviado por Poeta Amor em 16/08/2005
Código do texto: T43091

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Poeta Amor
Araruama - Rio de Janeiro - Brasil, 81 anos
398 textos (14771 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 22:39)
Poeta Amor