Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

EU SÓ QUIS TE AMAR...

Quis escrever as peças  que um dia eu sonhei...
No teatro da vida, porém, as cenas que imaginei,
não se abriram com as cortinas da utopia!
Minha alma é prenhe de ilusões perdidas,
e meu corpo verga ante lágrimas sentidas...
Te amar somente era tudo que eu queria!

Sei que meus versos são povoados,
de tristes rimas no sofrer  vincados...
São amarguras de uma dor infinda!
Minha vida é uma negra sinfonia,
sem paz, sem felicidade, sem alegria...
Mesmo assim, eu quis te amar, ainda !

Nessas noites solitárias, o vento frio gemendo,
eu clamo a falta de teu corpo, de teu calor me aquecendo,
de tu'alma a minh'alma desejando!
Hoje eu queria te esquecer, deixar de te sonhar...
Mas, no palco da vida, continuo a te buscar...
Sei que vou morrer te amando!

Nelson de Medeiros
Enviado por Nelson de Medeiros em 18/08/2005
Código do texto: T43575

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nelson de Medeiros
Cachoeiro de Itapemirim - Espírito Santo - Brasil
493 textos (66319 leituras)
11 áudios (2996 audições)
1 e-livros (184 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 06:35)
Nelson de Medeiros

Site do Escritor