Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0420 - Faces do amor


 
Meu amor acordou em outra vida,
entrei por entre folhas da natureza,
corri sobre águas para te encontrar,
sonhei com tua face, a mesma que desejei.
 
Deixe-me amanhã sonhar teus sonhos,
sorrir com dentes lambuzados de nossos beijos,
marcar cada pedaço de pele com carinho de futuro,
que os sonhos fiquem na face, nas faces do sonho real.
 
Como qualquer amor, não somos qualquer amor,
a paixão doma nossos desejos para todos os depois,
liberam partes do corpo, dentro e fora, ouço gritos,
assim que o presente se mostra entre amor e o gozo.
 
Que todos os sentimentos marquem as almas,
nos corpos os gritos que ecoam dentro dos sexos,
os mesmos que nos alimenta a paixão que queima,
que fique nas faces deste amor a face do nosso amor.
 
24/08/2005

Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 24/08/2005
Código do texto: T44698
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116243 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:32)
Caio Lucas