Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

desconhecidos




Apenas uma noite,
E tudo aconteceu, não deveria.
Seria apenas, um encontro casual.
Em uma boate qualquer
Em algum canto da cidade,
Onde ninguém se conhecia.
Nos conhecemos...
Á noite e sua magia, fizeram a diferença.
Apenas dançamos, sem compromisso.
Brindamos a nos dois
E na magia do momento, nos beijamos.
E voamos na imaginação, quando acordamos.
Á noite, já chegava ao fim.
Era só eu e ela, naquela boate.
De repente aquela musica, chegou até nós.
Suavemente nos envolvendo.
Eu á tomei nos braços.
Voltamos a dançar, bem juntinhos.
Até que a musica acabou,
E o garçom veio avisar,
Que já era hora de fechar.
Saímos á rua, era quase dia.
A lua, já se despedia do Sol.
Nos separamos, com apenas um beijo.
Nada falamos, ela se foi.
Como uma desconhecida, eu a vi partir.
Eu não sabia seu nome
Tampouco ela sabia o meu, saber pra que.
Se éramos apenas, dois desconhecidos
 

                                                          Volnei R. Braga




Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 28/08/2005
Código do texto: T45846
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147458 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 06:18)
Volnei Rijo Braga