Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Recordações...

Quantas vezes eu tentei...
As suas cartas e retratos
(amarrotar ou rasgar)
Talvez para fugir das lembranças
Esquecer o teu sorriso e o teu olhar
E não ler mais as linhas singelas de amor
Escritas nos tempos de bonança
Onde éramos puros sentimentos
Mas no momento da cólera e da dor
O meu triste coração despertou
Voltei atrás mais uma vez...
E na minha impotência, eu recuei
Porque sei que imensamente te amo
E não haverá no mundo tristeza ou solidão
Que me fará deixar de te amar.

(D.A.Reservados)
Uma Mulher Um Poema
Enviado por Uma Mulher Um Poema em 31/08/2005
Reeditado em 04/12/2005
Código do texto: T46397
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Uma Mulher Um Poema
São Paulo - São Paulo - Brasil
2886 textos (497141 leituras)
75 áudios (27397 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 12:33)
Uma Mulher Um Poema

Site do Escritor