Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Fantasias Noturnas

Tirei a venda dos olhos
Limpei o mofo do olhar
Nas retinas opacas da noite
um céu bordado na alma fiz brilhar


Desvirginei a solidão
Subtrai a dor
Enganei o distraído coração
Abrir a gaiola do tempo


Abortei ressentimentos
Deixei um pássaro encantado entrar
Nas asas  lépidas da paixão
fiz a fantasia voar


Nos braços dos  sonhos embriagados
deitei o corpo
no colo do verbo amar
Bebi na taça da loucura
Favos de ternuras ao ler
um poema vulgar


Na arritimia dos volúveis desejos
quebrei as amarras do medo
Envolta nos lençóis de linhos
deixei os pensamentos em desalinhos
e a flor do prazer a desmaiar

Com a pureza de um anjo
beijei  a boca do luar
Sorrindo acordei
deste meu lindo vagar
Feliz como a  Eva que o paraíso
acaba de encontrar!


13/01/2205

*****
Zena Maciel
Enviado por Zena Maciel em 31/08/2005
Código do texto: T46631
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Zena Maciel
Jaboatão dos Guararapes - Pernambuco - Brasil
239 textos (6625 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 16:00)
Zena Maciel