Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SOPRA-ME UM VERSO....

Sopra-me um verso...


Despertei esta manhã sentido perfume de Amor...
Se beija-flor fosse, posaria em todas as janelas
Do jardim deste recanto, semearia este perfume,
Beijá-los-ia um a um como flores desabrochando
 Convidando o colibri...

E ao soprar-me um verso, farei de meus rubros lábios
Tela para seus pincéis no verso avivado , me fará
Elevar vôos imaginários onde tropeçarei nas letras
 Como um corcel selvagem, semeando amor ao vento.

E envolta neste galope, meus olhos verteram lágrimas
Emocionadas, que rolaram com pérolas em minha face
E deslumbrarei a beleza afogueada nas letras solfejadas
Sopra-me um verso!  Voejarei alada valsando com o colibri.

Adornarei de pétalas e pérolas o ninho, e de mansinho
Salpicarei amor...Alimento que aninharei no voar majestoso
Do colibri que voará .Entre o sol e chuva na linha do equador! E descansarei nas letras no verso que a mim soprar. Sopra-me um verso!



Deth Haak

29/08
 200
Deth Haak
Enviado por Deth Haak em 02/09/2005
Código do texto: T47107
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Deth Haak
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 57 anos
547 textos (65351 leituras)
50 áudios (9715 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 07:17)
Deth Haak