Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESTRANHO PEDIDO


 
 
Pedes sempre que eu te esqueça,
pois não há ninguém que mereça,
tanta dor e sofrimento...
Não te entendo, na verdade,
já que a minha lealdade
vem de um puro sentimento!
 

Pedes sempre que eu me vá...
Por quê? Sei lá...
Estás sempre nos meus braços!
Se é verdade o teu desejo,
porque recebes meu beijo
e me entrega os teus abraços ?
 

Nelson de Medeiros
Enviado por Nelson de Medeiros em 04/09/2005
Reeditado em 15/06/2011
Código do texto: T47558

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nelson de Medeiros
Cachoeiro de Itapemirim - Espírito Santo - Brasil
493 textos (66373 leituras)
11 áudios (2996 audições)
1 e-livros (184 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 00:22)
Nelson de Medeiros

Site do Escritor