Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Arte By Luiz Royo

Amar-te em Silêncio...

Dizias ser impossível
este amor que
por ti ainda sinto...
Sinto um calor
que me invade a alma
que queima...arde...
ao amar-te sinto...
sinto o pior dos sofrimentos
estou vazia
oca
nua.
Pensei
vir ser tua
companheira,
amiga,
mulher
queria sentir a brisa do teu respirar
mas afinal...
tudo não passou de um sonho!
mas continuo a amar-te
No silêncio.

17/7/2004

©Anabela Braga
(Chinezzinha)

Todos os Direitos Reservados

Amar-te em silêncio... Original publicado em 17/7/2004 pelas 08:52

http://groups.msn.com/PoesiaDoCantinho/poesiadeamor.msnw?action=get_message&mview=0&ID_Message=30&LastModified=4675480925019092988

Chinezzinha
Enviado por Chinezzinha em 06/09/2005
Reeditado em 10/11/2006
Código do texto: T48049
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (©Chinezzinha - www.anabelabraga@com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Chinezzinha
Portugal
155 textos (20226 leituras)
1 e-livros (247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 22:17)
Chinezzinha