Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Devaneios

Mesmo que um dia
Todas as estrelas
Pararem de brilhar
Conseguirei mesmo assim
Com a sua luminosidade
Incandescente me encantar
Vendo-as através do brilho
Do seu olhar
Mesmo que um dia
Um pássaro em minha janela
Emudecer e parar de cantar
Conseguirei mesmo assim
Escutar seu belo canto
Através de uma linda melodia
Que você carinhosamente
Em meus ouvidos vier a cantarolar
Mesmo que um dia
Em meu jardim
Uma linda rosa
Deixar de desabrochar
Conseguirei mesmo assim
Encontrar a mais bela inspiração
Para escrever-lhe um lindo poema
E com o meu amor lhe dedicar
Mesmo que um dia
Pela imensa saudade
Quando em você pensar
E uma lágrima dos meus olhos
Vier em meu rosto rolar
Conseguirei mesmo assim
Sentir o toque de suas mãos
A esta lágrima secar.

(D.A.Reservados)
Uma Mulher Um Poema
Enviado por Uma Mulher Um Poema em 08/09/2005
Reeditado em 04/01/2006
Código do texto: T48831
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Uma Mulher Um Poema
São Paulo - São Paulo - Brasil
2885 textos (497038 leituras)
75 áudios (27394 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 16:07)
Uma Mulher Um Poema

Site do Escritor