Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FOLHAS QUE CAEM

Diógenes Davanzo®

Na espera de um novo amanhã
Aprendi que a paciência
É algo como as estações do ano
Precisa haver o outono
Antes de qualquer estação
Nela as folhas caem
Aguardando uma nova vida
Nela a natureza se rende a chegada
fria do inverno
Para depois novamente renascer
com todo vigor da vida
Ano a ano isso se repete na
mais linda sintonia
Faço disso a minha esperança eterna
Sintonizo minha vida
Identifico meus problemas
Não questiono, simplesmente acredito
A vida é assim
Dias de outono são necessários
Para que haja a tão esperada primavera
No amor também é assim
Primeiro sofremos desesperadamente
Depois amamos delicadamente
Dias de outono, dias de primavera
Dias de sofrimento,
dias de esperança de uma nova vida
Folhas que caem
Novos brotos que nascem
Dão vida, florecem e voltam a morrer
Estações de nossas vidas
Ciclo completo do amor de Deus
Ciclo do nosso amor à Deus
Ciclo do nosso amor
Folhas que caem

31.03.05
19h54
São  Paulo - SP
Diógenes Davanzo
Enviado por Diógenes Davanzo em 17/09/2005
Código do texto: T51470
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Diógenes Davanzo
São Paulo - São Paulo - Brasil
107 textos (6196 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 10:02)
Diógenes Davanzo