Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Soneto de um amor em paz


Que não se finde enquanto dure este amor infinito,
Que não se apague esta chama que arde em meu peito,
Que não se cale em minha garganta incontido grito,
Que nunca esfrie de teu corpo o calor em meu leito.

Que não se esvaia de teus olhos o brilho intenso,
Que encontro encontrando os meus, neste momento,
Que não seque em teus lábios o néctar infenso,
Que sacia minha sede e aplaca meus tormentos.

Que teus braços sempre se abram em um abraço,
Que me acolham, envolvam, protejam e agasalhe
Que encontre o aconchego em teus seios e regaço.

Que o silencio de teu clamor cada vez me fale mais
Que seja eu também teu porto seguro, que nunca falhe
Que sejamos um para o outro recanto refúgio de paz.
LHMignone
Enviado por LHMignone em 21/09/2005
Reeditado em 30/09/2013
Código do texto: T52538
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
LHMignone
Mimoso do Sul - Espírito Santo - Brasil
1319 textos (202261 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 06:15)
LHMignone