Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nidi

Ainda nunca te vi pessoalmente, não conheço seu corpo, mesmo assim já te sinto!
Não me olhei ainda na luz dos olhos teus, e nem provei o gosto de sua boca, mesmo assim te quero! mesmo sabendo que talvez nunca te terei.
Não experimentei o teu toque, e nem se quer te acariciei, mas já sinto o seu perfume no ar que eu respiro!
Nunca ouvi a sua voz, mas já sonhei com ela! E você sabe bem disso!
Eu me rendo! Já Sucumbi à tua sedução, mesmo sabendo que talvez nunca te encontrarei.
No momento o meu amor é virtual! Mas não faz mal, pois ainda é mais que corpo e, se não te tenho ao meu lado, que o vento sussurre pra ti! Minhas palavras de carinho.
Quero que ele lhe diga também que alguém te ama, do jeito que jamais foste amada, com todo o sentimento que sou capaz de ter-te! E se pensar no amor, com tudo que ele traz de felicidade.
Ora mais isto ainda não é nada, pois minha alma seguirá amando a tua mesmo que nossos corpos nunca possam se encontrar.
Chegará o momento! por alma ser mais que corpo, que nos encontraremos mesmo em sonho, você me sentirá dentro de ti e eu te sentirei dentro de mim, independente da distância que nos afasta!

                                        Pablo M. Rodriguez
Paez
Enviado por Paez em 25/09/2005
Código do texto: T53688
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Paez
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 38 anos
133 textos (6348 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 12:38)
Paez