Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"BREVE OLHAR"

Busco te encontrar em cada canto
do meu sonho
no remanso de uma noite de verão
se tão longe estás agora, então
te ouço bater ao portão
da morada do meu triste coração

Sou teu poeta, sou teu homem,
teu menino
teu amante de textos errantes
escrevendo este amor solitário
nas linhas infindas do tempo
nas ruinas de vãos momentos

Se para ti meu amor for vil
disabor
muito mais amarga ao fel de minha dor
rosa negra da melancólica primavera
sinto o presságio do  fim
quando sem olhar passas por mim

Oh, amor que de ti só recebe
reles migalhas
que me faz um pobre tolo ordinário
quixote deste tempo, insano visionário
assim esperando para me saciar
de ti apenas um breve olhar
Sergio Cortes
Enviado por Sergio Cortes em 26/09/2005
Reeditado em 20/10/2005
Código do texto: T53974
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sergio Cortes
Uberaba - Minas Gerais - Brasil, 53 anos
102 textos (4493 leituras)
4 áudios (127 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 02:06)
Sergio Cortes