Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pura ousadia

Se algo acontece,
e meu coração não aceita,
se o teu olhar, ao meu rejeita,
é como se fugissem, do dia, as cores,
como se findasse, o perfume das flores,
e ao tempo abrevio, te quero de volta,
te quero na curva, te espero na porta,
tremendo, teimosa, querendo tuas mãos.

Vem meu Escultor...

Lapide minhas curvas,
me molde em teu corpo,
pois sou só contorno, se a mim não desejas.
Me falta o miolo, o centro e o eixo.
Me falta o arrepio, o gosto e o jeito,
e em nada me encontro,
e por nada versejo,
calando a poesia, o verso e a rima,
tirando de mim , a mais pura ousadia,
de ser apenas tua, e de mais ninguém !
Day Moraes
Enviado por Day Moraes em 10/10/2005
Código do texto: T58320
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Day Moraes
Angra dos Reis - Rio de Janeiro - Brasil
137 textos (4782 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 05:01)
Day Moraes