Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor desconhecido - parte 1

Quanta saudade tenho de você.
Sinto muito falta de ti.
Agora, queria muito te ter,
quem sabe, pelo menos te ver.

É estranho escrever sem destinatário físico,
pois apesar de saber que estou escrevendo
para a pessoa da minha vida,
não sei ainda quem você é.

Posso até te conhecer,
mas ainda não chegou
a hora de saber
se é contigo que pra sempre irei viver.

Sinto que não tenho sido muito fiel a ti,
mas me perdoe.
São apenas complicados momentos
da minha vida.

Seria interessante saber que você,
há todo tempo, estava presente comigo.
Com quem eu conversava, com quem eu desentendia,
por quem eu me apaixonava...

Sem pressa espero por você
e quero que espere por mim,
pois ao te encontrar, te amarei...
com um amor eterno e sem fim.
Fontes
Enviado por Fontes em 11/10/2005
Reeditado em 14/09/2007
Código do texto: T58871
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fontes
São Paulo - São Paulo - Brasil
36 textos (2961 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 04:15)
Fontes