Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema 0501 - Tristeza


 
Hoje não preciso sonhar,
não que queira, preciso parar,
não sinto meu corpo, nem ao menos amor.
 
Preciso ser alguém que não chora,
não quero ser piegas,
estou me sentindo pesado, sem alma.
 
Deixem-me só, hoje quero assim,
fechem meus horizontes,
estou preso entre um e outro sentimento.
 
Quero me sentir só entre minhas palavras,
saber onde errei, por que erro ao amar,
se um dia parar, talvez morra.
 
Meu dia é noite nos sentimentos,
sou culpado por me apaixonar,
culpado confesso por amar demais.
 
Amanhã não sei onde estarei,
tento negar meus sonhos,
tento não pensar que perdi mais uma vez.
 
Minha crença já não é suave, não hoje,
troquei minha ternura pela solidão,
outra vez me escondo atrás da porta do coração.
 
Voltarei uma outra manhã, não outro amor,
tentarei ir sozinho até meu fim,
hoje sou apenas um apaixonado muito triste.
 
21/10/2005
Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 21/10/2005
Código do texto: T61791
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 68 anos
4429 textos (116250 leituras)
1 e-livros (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 22:21)
Caio Lucas