Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A raínha da minha côrte

Eu não me canso
de dizer
foi muito bom esse
amor eu viver

pena que tudo se acabou
foi muito bom, enquanto durou

o tempo passa e
eu aqui
a cada dia pensando
em ti

preciso saber notícias sua
ao menos tiver passar na rua

me sentirei,  mais feliz
sabendo como estarás
mesmo sabendo que
esse amor não passarás

vivemos juntos um
grande amor, sem igual
uma coisa intensa tão legal

você não sabe
o quanto eu te amo
todas as noites nos
meus sonhos te chamo

te vejo sempre a cada noite
você é a raínha da minha côrte
Marcos Halley
Enviado por Marcos Halley em 21/10/2005
Reeditado em 21/10/2005
Código do texto: T61800
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcos Halley
Duque de Caxias - Rio de Janeiro - Brasil
310 textos (15833 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 06:23)
Marcos Halley