Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Letras 0138 - Depois do prazer



Descubra o corpo, a vida, mostra-me o céu,
enquanto quebro pedaços dos meus dias,
misturo paixão e lhe ofereço,
prova, traz a boca que levo o prazer.


Dê-me suas mãos, enrole-as as minhas,
segure devagar o sabor que deixo na boca,
role sobre meu peito, faz-de-conta, feche os olhos
e suba minhas pernas arrastando saliva.


Descanse seus lábios nos meus, deixa que te beije,
fica o gosto do meu corpo misturado aos seus,
o perfume invade nossos sonhos de amor,
a fome não passa, o desejo não passa, o prazer enlouquece.


Abrace minhas pernas, mesmo de joelhos,
sinta o perfume que exala da pele quente,
sugue devagar o prazer dividido, em dois, em mil,
desde que fique entre nós, e eu em você.


Depois de tudo, vire, revire nossas loucuras de amor,
vem sentar aqui pertinho, deita no meu colo,
não estamos mais à procura do desejo, do sexo,
solte seu corpo sobre o meu, relaxa e me ama.


23/08/2007

Caio Lucas
Enviado por Caio Lucas em 23/08/2007
Código do texto: T620451
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Caio Lucas
São Paulo - São Paulo - Brasil, 69 anos
4429 textos (116807 leituras)
1 e-livros (168 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 01:55)
Caio Lucas