Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


 

O Mar de Tuas Mãos

(Marici Bross)



O mar avança
suavemente, sobre a areia
E você suavemente
sobre meu corpo

Corpo que exala paixão
E de tuas mãos, ávidas
carinhosas a me percorrer

A lua continua linda,
Não ofereço resistência
mas estremeço a teu toque

Mãos que afagam
num frenesi ardente
levando-me a explosão
total de sentimentos

Marici Bross

24/04/02

 



 

Loucura

(Marici Bross)

Deste amor gostoso
nascem, em mim,
poemas e flores

Onde sou a terra fértil
e depositas teu grão
Para que germine

Mas que loucura, é esta,
Que me desequilibra,
E tira meus pés do chão

Que loucura gostosa
É está que me transporta
as nuvens
que tira, meus pés
do chão.

Que loucura,
gostosa é esta
Que me leva
Ao teu coração.


Marici Bross.

14/05/02.

 



Ir, voar, levitar.

(Marici Bross)


Neste levitar de emoções
Levo minha alma as alturas
Vôo como a águia sem rumo
Num torvelinho de emoções

Um voar leve,
Quase um planar de emoções
Um ir, um voar, um levitar

Estou flutuando
Como a brisa que chega
E invade meu corpo

Vou neste infinito
Sem saber aonde chegar
Não importa.
As emoções chegam
Se instalam
E enchem minha alma de amor.

E assim chego a você.
Onde encontro meu porto seguro
Para minhas asas repousar.
Bendito seja,
Meu Pai de Amor.

SP, 11-02-05 - 10:30h.

 

Edvaldo Rosa
Enviado por Edvaldo Rosa em 26/08/2007
Código do texto: T624512
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Edvaldo Rosa www.sacpaixao.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Edvaldo Rosa
São Paulo - São Paulo - Brasil, 56 anos
1740 textos (177305 leituras)
23 áudios (10678 audições)
35 e-livros (9293 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 06:14)
Edvaldo Rosa

Site do Escritor