Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MENINA

MENINA

Doce menina
Fizeste vibrar a lira do poeta
Deste ao mundo um trovador...
Quem me dera ter o amor,o amor que tu tens!
Que belo amor. Sua imensidão chega a Deus.
Poeta maluco que há muito andava mudo,
viu nascer das Estrelas, em ti, menina doce,  a Fada que sonhou.
 Na Lua fez seu berço e na verdade de Deus se emaranhou.
O mundo a ti agradece doce e abençoada menina, por tirar dos lábios deste poeta mensagens divinas de amor.
Doce e meiga criatura quem me dera ter o amor, o amor que tu tens...
A noite já não é escura, o dia é lindo, mesmo chuvoso.
No esplendor da tempestade os raios são mensagens.
Doce menina fizeste sentir a vida  ver beleza na rudeza, tornar o mundo criança .
Doce menina, meiga criatura, fada encantadora, sempre serás a musa a entoar  na Lira  as cordas do meu coração!!!



angelo martins
Enviado por angelo martins em 27/08/2007
Código do texto: T626149

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
angelo martins
Ponta Grossa - Paraná - Brasil, 82 anos
105 textos (6432 leituras)
32 áudios (4231 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 22:32)
angelo martins