Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NÃO IMPORTA

Não adianta desprezar-me,
fugir de meus sonhos,
negar os momentos
que tivemos juntos,
nada importa, eu ainda te
amo.

Não adianta distanciar-se,
jogar tudo para o alto,
dizer aos quatro cantos
que esqueceu o que,
houve entre nós,
nada importa, eu ainda te
amo.

Não adianta esquivar-se,
colocar do lado de lá do
ontem
nosso sentimento,
ele vive ainda que em
silêncio,não importa, eu ainda te
amo.

Não adianta dizer que
precisa
modificar sua vida,
que está cansada,
e por essa razão tenta se
reconciliar
consigo mesma,
nada importa, eu ainda te
amo.

Não adianta indigitar
mesmo com sutileza
que já não me quer,
que nosso idílio foi uma
mentira,
um engano,
nada importa, eu ainda te
amo.

Não adianta negar nossas
noites
presentiadas pelas estrelas,
que
sufocadas pelos gemidos...
já não
resplandecem, perderam o
brilho.
Não adianta elas ainda choram
pelo infinito, quando clamo
nada importa, eu ainda te
amo.
Wil
Enviado por Wil em 24/10/2005
Código do texto: T62880
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Wil
São Paulo - São Paulo - Brasil, 81 anos
2613 textos (84518 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 14:45)
Wil