Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DEUSES CEGOS


Ou acompanhado
Possuem a ciência
De me sentir sempre abandonado

Deuses cegos

Com
E de certeza
Do Amor
Que me acompanham
Para todo o lado
Mesmos os mais estranhos
Esteja eu onde for

Deuses cegos

E desta vez
Como da primeira
Jurei não sofrer mais
Mesmo não te tendo à minha beira
Juras vãs, inúteis, da realidade órfãs
Porque a realidade é sempre aparente
E vã…

Deuses cegos

Por isso…
Diz-me porque Neles acreditas
Que eu não consigo compreender
Nessa dialéctica surda e muda
De não Te conseguir perceber

Deuses cegos

Porque a razão
Não mora em Bíblias
No Corão
Nas Toras
E demais livros sagrados
A razão e a verdade
Habitam
No coração
Aberto
Que não precisa para viver
De uma simples
Operação
Precisa daquilo que És
Ou são incapazes de me dar
Um pouco de audição
Do teu amar
Espasmos
De uma miríade de atenção

Taizé, França 20 de Agosto
Miguel Patrício Gomes
Enviado por Miguel Patrício Gomes em 30/08/2007
Código do texto: T630870

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Miguel Patrício Gomes
Portugal
5131 textos (172837 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 14:56)
Miguel Patrício Gomes